Conhea a Associo Clube do Carro Antigo do BrasilLogin




São Paulo recebe carros históricos da F-1 em agosto

Espectadores privilegiados das últimas decisões do Mundial de Fórmula 1, os fãs brasileiros de automobilismo terão um bom motivo para ir a Interlagos dois meses antes da edição 2009 do GP do Brasil. Isso porque nos dias 15 e 16 de agosto o autódromo paulistano receberá uma etapa da Fórmula 1 Histórica, categoria homologada pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e que reúne carros que estiveram na pista entre 1966 e 1985.

Entre os monopostos que compõem a lista de pré-inscritos estão na a McLaren M23, com a qual Emerson Fittipaldi conquistou seu segundo título mundial, em 1974, e a Brabham BT-49, carro que conduziu Nelson Piquet ao seu primeiro título, em 1981. Além disso, devem estar presentes a Tyrrell 001, um dos carros do tricampeão mundial Jackie Stewart, e a Williams FW08, que deu a taça de 1982, com apenas uma vitória no ano, ao finlandês Keke Rosberg.

A organização ficará por conta da International Promotions, mesma empresa que organiza o GP do Brasil de Fórmula 1 e que fará um investimento de 10 milhões de dólares no evento. Trata-se da primeira vez desde seu início, em 1995, que a Fórmula 1 Histórica sairá da Europa, onde corre em pistas tradicionais como Spa, Monza, Brands Hatch, Nurburgring e Jarama. "Interlagos tem uma importância grande para o automobilismo. A história da Fórmula 1 deve muito aos promotores brasileiros", afirmou Tamas Rohonyi, presidente da empresa e promotor do GP Brasil.

Devido à diferença de potência entre os diversos modelos da década de 60, 70 e 80, a Fórmula 1 Histórica é dividida em quatro classes, de acordo com a idade e as características de aerodinâmica dos carros. A pontuação por prova acontece baseada na posição de chegada e no número de carros competindo em cada classe, de maneira que todos podem lutar pelo título geral da temporada.

"Esse evento irá trazer gratas lembranças aos fãs da Fórmula 1", assinala Caio Luiz de Carvalho, presidente da SPTuris. Espera-se um público de 20 mil pessoas (25% de fora da cidade) para a prova, que será transmitida ao vivo pela TV Globo. Como prévia, estão previstas disputas da Fórmula 3 e da Porsche Cup, além de outra categoria ainda a ser confirmada.

"É um privilégio receber um evento como este no Brasil", comemorou Cleyton Pinteiro, presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) desde março - a Fórmula 1 Histórica será o primeiro evento internacional de sua gestão. "Somos um país jovem, mas temos muita história na Fórmula 1. Não devemos nada a ninguém", afirmou.

Atrações - Para aumentar o clima de nostalgia, os patrocínios dos carros, os macacões dos pilotos e a estrutura dos times serão similares aos das décadas passadas. Pilotos da Fórmula 1 também serão convidados a comparecer ao autódromo, mas eles dificilmente irão pilotar, visto que normalmente os próprios donos dos carros conduzem seus bólidos ou, no máximo, o emprestam a algum amigo.

Presidente da FIA, Max Mosley foi outro convidado para o evento, assim como Bernie Ecclestone, chefão da Fórmula 1, e o príncipe Albert, de Mônaco, que, segundo os organizadores, demonstrou grande interesse em comparecer. Está sendo planejada ainda uma homenagem aos primeiros representantes verde-amarelos na Fórmula 1, assim como uma exposição com pinturas de carros antigos feitas por Waldemar Marangoni.

A única exceção ficará por conta do traçado de Interlagos, visto que não existe chance de ser utilizada a pista antiga, de quase oito quilômetros. "Não existem mais pistas de Fórmula 1 tão grandes. Primeiro, porque a transmissão fica difícil. Segundo, porque isso causa um custo operacional muito grande às equipes. Além disto, acho que o hábito do público de ver corridas em circuitos de cerca de quatro quilômetros já está consolidado", justificou Tamas Rohonyi.

A temporada 2009 da Fórmula 1 Histórica começou em 26 de abril, com vitória da Brabham BT-49 conduzida pelo espanhol Joaquin Folch, que correu na classe C. O ibérico divide a liderança do campeonato com o britânico Bobby Verdon-Roe, primeiro colocado da classe B na ocasião com a McLaren M23. A próxima etapa está programada para 7 de junho, na Itália. Antes de desembarcar em São Paulo, a categoria passa ainda por Brands Hatch, em 5 de julho.

Ingressos:
As entradas para a etapa brasileira começam a ser vendidos nesta quarta-feira, 6 de maio, no site oficial do evento (http://www.historicf1.com.br). Os preços começam em R$ 180, com ingressos válidos para os dois dias de evento.

Publicado em: 6/5/2009
Fonte: Abril.com.br

Compartilhe com seus amigos:

Voltar para Página Anterior:

56





Ônibus para Locação
Ônibus para Locação


Mercado Livre




Associe-se
Rede de Benefícios


Anuncie Grátis

Área do Anunciante
Classificados
Eventos
Notícias
Eventos CCA
CCA na Mídia
Dúvidas e Sugestões
Veículos para Locação
Veículos Antigos Roubados
Indique

Facebook Clube do Carro Antigo

Siga-nos no Twitter

Dodge, Polara Gl, 1981, Marrom Calcutá
Lote de Peças
Chevrolet, Monza, SLE Sedan, 1986, Cinza
Mercedes Benz, 560 Sl, 1988, Vermelha

Locação de veiculos antigos para eventos, publicidade, fotografia








----------------

Empresas Apoiadoras
Logos dos Apoiadores