Conhea a Associo Clube do Carro Antigo do BrasilLogin




6ª. Edição do Motorclássico de Lisboa

6ª. Edição do Motorclássico de Lisboa

Aproxima-se a 6ª edição do Motorclássico - Salão Internacional de Automóveis e Motocicletas Clássicas, que será a 19, 20 e 21 de Março de 2010, na FIL - Feira Internacional de Lisboa. Com a maior área de exposição da história, cerca de 15 mil m², o certame anuncia-se como o maior evento português relacionado com a temática dos Clássicos e da História do automóvel. A última edição, ultrapassou as expectativas da organização, com público de 43 mil visitantes e cerca de €1.300.000 em negócios..

Estes dados mostram o potencial comercial do evento, quer para expositores presentes, quer para o crescimento do mercado português de antigos, sendo que o salão proporciona oportunidades de compra e venda de modelos clássicos, sejam automóveis ou motocicletas. No Motorclássico é possível encontrar veículos para todos os gostos e preços, numa demonstração de que a paixão pelos clássicos não é exclusiva para uma pequena elite.


Exposições temáticas

Além dos expositores habituais, entidades comerciais, institucionais de atividades e publicações especializadas, o programa da 6ª edição apresenta várias novidades para os aficcionados pelo universo dos antigos. Estão já programadas exposições temáticas relacionadas aos automóveis americanos clássicos ("American Beauty"), veículos militares da II Guerra Mundial, jeeps ("Jeep Attack!") e uma área dedicada especialmente às motos.


"Automóveis Portugueses"

Depois do sucesso da exposição "Automóveis Portugueses" no Museu do Caramulo, entre 15 de Agosto e 15 de Outubro de 2009, quatro dos modelos que brilharam na exposição estarão presentes nesta edição do Motorclássico, uma oportunidade única para conhecer e reconstituir momentos áureos da engenharia automotiva de  Portugal. 

Um dos modelos é o Alba (1952-54), inteiramente construído em Portugal. A Metalúrgica Alba de Albergaria-a-Velha era no início dos anos 50, uma grande unidade industrial de propriedade do Comendador Martins Pereira. Seu filho, António Augusto Martins Pereira, grande entusiasta do automobilismo, resolveu criar a marca Alba dirigida para a competição. O primeiro Alba foi desenhado e construído em 1952. Na equipe Alba, além de Martins Pereira destacava-se Francisco Corte Real Pereira, piloto e mecânico. Vencedor em 1951 e 52 da classe 1100 c.c. no Circuito da Boavista, colaborou no desenvolvento do Alba para torná-lo um carro vencedor. Com três automóveis produzidos, a Alba tinha uma estratégia: Corte Real tinha sua função como piloto nos circuitos e Martins Pereira dedicava-se às provas de regularidade nos ralis. A Alba desenvolveu vários motores e a "jóia da coroa" dos motores Alba, seria o projeto próprio, elaborado na própria metalurgica, todo em alumínio. A carreira da Alba permaneceu ainda por muito. Em 1961 Corte Real Pereira participou do Rali Noturno de Salgueiros, onde obteve a 3ª posição.

Outor modelo, o “IPA”, uma verdadeira raridade. apresentado na Feira das Indústrias de 1958. O IPA 300 foi referenciado como um dos expoentes da indústria metalo-mecânica Portuguesa na Época. Foi mostrado em duas versões de carroceraria distintas: a primeira numa versão 4 portas e a segunda num elegante Coupé. A base mecânica era a mesma do veículo inglês Astra, um pequeno veículo comercial equipado com um motor British Anzani de 2 cilindros, 2 tempos, com aproximadamente 15 cv, que atendida completamente às necessidades de motorização de uma família típica portuguesa com 2 filhos. Com esta base, desenvolveram-se então dois veículos que faziam parte de uma pré-série de cinco. O primeiro foi  apresentado como destaque da Feira das Indústrias Portuguesa em 1958, com a presença do presidente da República Craveiro Lopes e Marcello Caetano. Nunca saiu do protótipo, pois a licença para a fabricação em série teve a feroz oposição do então Secretário de Estado da Indústria, que havia determinado a política industrial Portuguesa, que priorizava a montagem de veículos de marcas europeias e americanas. Foram lançados catálogos de vendas para os 2 modelos, mas o processo encerrou –se definitivamente com uma proibição regulamentar.


Passeios de Clássicos terminam na FIL

O Motorclássico será também o destino final de passeios de automóveis antigos provenientes de várias regiões de Portugal e Espanha, promovendo um desfile de marcos da história do automóvel. Neste contexto o ACP Clássicos vai realizar no dia 20 de Março, o “Passeio da Primavera, que terminará com a chegada à FIL às 15h30. No salão será possível ver veículos “de Radio Controle numa pista  especialmente construída para o evento; áreas dedicadas à miniaturas de coleção e um concurso de modelismo também faraão parte do evento, concurso que terá este ano a sua primeira edição com o Prémio Modelismo Topos & Clássicos/Museu do Caramulo que irá escolher a melhor peça em exposição.

Outra novidade desta edição, será a oportunidade de proprietários de  Automóveis Antigos de Interesse Histórico, através da ACP Clássicos certicarem seu veículos, sendo que qualquer visitante poderá  tornar-se sócio no local. O ACP Clássicos é uma das entidades reconhecidas oficialmente como certificadoras de Veículos Antigos de Interesse Histórico. O Certificado atesta o veículo como “Viatura Histórica” (assim chamada no País), autenticando o veículo para: inscrições em provas da modalidade, a comercialização, e o reconhecimento do mesmo como Clássico em caso de sinistro junto às seguradoras.


Data: 19 de Março - 18h às 22h / 20 de Março - 11h às 22h / 21 de Março - 11h às 20h
Local: Pavilhões 1 e 2 da FIL - Feira Internacional de Lisboa - Parque das Nações
Preço de Bilheteira: Adultos - €8 / Crianças - €3
www.motorclassico.com

Publicado em: 24/2/2010
Fonte: Redação - CCA

Compartilhe com seus amigos:

Voltar para Página Anterior:

244





Ônibus para Locação
Ônibus para Locação


Mercado Livre




Associe-se
Rede de Benefícios


Anuncie Grátis

Área do Anunciante
Classificados
Eventos
Notícias
Eventos CCA
CCA na Mídia
Dúvidas e Sugestões
Veículos para Locação
Veículos Antigos Roubados
Indique

Facebook Clube do Carro Antigo

Siga-nos no Twitter

Lote de Peças
Chevrolet, Monza, SLE Sedan, 1986, Cinza
Mercedes Benz, 560 Sl, 1988, Vermelha
Chevrolet, Camaro, RS 1972, 1972, Negro Y Amarillo

Locação de veiculos antigos para eventos, publicidade, fotografia








----------------

Logos dos Apoiadores